segunda-feira, julho 28, 2008

Chantel

um casal procurava uma garrafa de vinho branco, verde acho.. no feira-nova...
Marido: Se calhar vou levar este da marca Loureiro (estavam na secção dos vinhos verdes a observar o "Chantel" que diga-se é um vinho de monocasta - Loureiro)....
Esposa: hum... porque não levas antes o Monte Velho?
Marido: bem, fresquinho também é bom!
Esposa: Onde está o Monte Velho? Não o vejo aqui? Se calhar esgotou...
Marido: Vê mais para a frente....
eu presenciei isto... acabei por amavelmente explicar que o Monte Velho é um vinho maduro e que deve ser bebido, nunca fresco, deve ser bebido a uma temperaura de 16/17 graus...
Que Loureiro não é uma marca mas sim uma casta, e que Chantel é uma marca de vinhos, monocasta, que é bastante agradavel! Já agora recomendo aos leitores apreciadores de vinho verde (esta época é convidativa a provar) CHANTEL!
O mercado dos vinhos enfrenta algumas adversidades e o desconhecimento é uma delas...

8 comentários:

Savonarola disse...

Gostei muito desta lição, dada por um bom conhecedor. A minha total ignorância nesta matéria levava-me certamente a fazer uma confusão desgraçada com o Loureiro...
É que anda tudo tão confuso!

Um abraço anarquista

O Guardião disse...

A esta hora já não vai, mas amanhã ao almoço, como vai ser peixe grelhado...
Cumps

adrianeites disse...

Savonarola: não sou, de longe, um grande conhecedor de vinhos... fui barman de uma unidade hoteleira aos 18 anos enquanto e li 2 ou 3 livros que la haviam... Para além disso também trabalho num grupo de empresas que têm uma empresa de vinhos...

Guardião: Com o peixinho o chantel "vai" muito bem!

Cump's

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querido Amigo, não conhecia esse vinho, mas vou provar... Beijinhos de carinho,
Fernandinha

C Valente disse...

De vinhos nada conheço, pois tambem não bebo
Saudsações amigas

Professorinha disse...

Essa parte do desconhecimento é comigo... Não gosto de vinho... Hehe...

Beijos

Carol disse...

Pois... Olha, eu só sei que gosto de Monte Velho, Cabriz (excepto o Rosé), o rosé da Defesa... Um bom vinho cai sempre bem, mas realmente seria melhor se os soubéssemos reconhecer e beber adequadamente.
Chantel não conheço, mas vou seguir a tua sugestão.

Zé Povinho disse...

Depois de uns cocktails um esclarecimento sobre vinhos. Boa, que eu de bebidas pouco percebo, embora goste de molhar o bico de quando em vez, com moderação claro.
Abraço do Zé